Sistema de Lupa activo | Voltar vista normal
NOTÍCIAS 
NA INAGURAÇÃO DO ECOMARE, INFRAESTRUTURA SITUADA EM TERRENO CEDIDO PELA ADMINISTRAÇÃO DO PORTO DE AVEIRO

Marcelo Rebelo de Sousa teve manhã «inesquecível e muito inspiradora» em Ílhavo

O Presidente da República disse esta quinta-feira, em Ílhavo, que teve uma manhã “inesquecível e muito inspiradora”, durante a inauguração do ECOMARE - Laboratório para a Inovação e Sustentabilidade dos Recursos Biológicos Marinhos, da Universidade de Aveiro (UA).

Com a Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, sentada na primeira fila, Marcelo Rebelo de Sousa começou por dizer que ficou “entusiasmado” com “a alegria” como a governante e os autarcas da região “falaram dos seus pontos de vista acerca do país”.

“Não há nada como vir aqui a esta região respirar o ar da maturidade democrática, do desejo de um futuro muito melhor e de uma enorme sensatez, tudo à mistura naturalmente com a vivacidade com que o Governo defende aquilo que fez, ou entende que fez, no último ano e meio e com as reivindicações próprias dos autarcas”, disse Marcelo Rebelo de Sousa.

No seu discurso, o chefe de Estado referiu-se à inauguração desta infraestrutura, adiantando que se assiste ao triunfo das causas da ecologia e do mar, que “não eram uma evidência” há algumas décadas, prestando uma homenagem aos precursores, nomeadamente aos ex-Presidentes Mário Soares e Cavaco Silva, este último um dos “grandes obreiros desta causa”.

Marcelo destacou ainda o trabalho feito pela Universidade de Aveiro e pelo poder local, que “vive hoje um momento de grande alegria”, registando as reivindicações do Presidente da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro, Ribau Esteves, pela gestão integrada da ria de Aveiro e pela defesa da arqueologia náutica portuguesa.

Antes dos discursos, o chefe de Estado visitou as instalações do ECOMARE e assistiu à realização de uma ecografia a um cágado ferido, que deu entrada esta manhã no Centro de Recuperação de Animais Marinhos, vindo da Figueira da Foz.

Já no exterior do ECOMARE, Marcelo mandou parar o carro e saiu da viatura para cumprimentar dezenas de populares que não puderam entrar nas instalações.

“Vou estar com os pescadores e depois vou a uma procissão de duas horas e meia”, disse Marcelo aos populares que aguentaram estoicamente mais de duas horas para o ver.

Maria José e o marido foram das primeiras pessoas a chegar aqui, cerca das 10:00.

“Esperava que ele parasse e saísse do carro e estou muito contente. Ele cumprimentou-me três vezes. Nunca o tinha visto ao vivo, mas gostei muito”, disse a mulher de 61 anos.

Noémia Ribau foi outra das pessoas que aguentou estoicamente quase três horas ao sol para ver o Presidente.

“Estivemos a falar uns com os outros e decidimos esperar. Não há fome, não há sede. O dia até está bom e valeu muito a pena. A pessoa é muito simpática e cativa as pessoas. Ele o que é por fora é por dentro”, disse.

O ECOMARE representa um investimento de 4,9 milhões de euros, comparticipado em 85% por fundos europeus, sendo que os restantes 15% foram pagos em partes iguais pela UA e pela Câmara de Ílhavo.

A infraestrutura, situada num terreno cedido pela Administração do Porto de Aveiro, integra o maior centro europeu de reabilitação de animais marinhos e uma unidade de investigação em aquacultura, para apoio às empresas.

FONTE