FacebooktweeteryoutubehistorypinSlideshare
Get flash player to play to this file
FACEBOOK
NEWSLETTER

Remover e-mail da newsleter:

DESTAQUES

Porto de Pesca Costeira | Aveiro (2) - VÍDEOFOTO

Porto de Aveiro em movimento #2 - VÍDEOFOTO

Porto de Aveiro | Porto de Abrigo para a Pequena Pesca (2) - VÍDEOFOTO

«Ílhavo Sea Festival 2016» no Porto de Aveiro (12) | VÍDEOFOTO

Pás Eólicas no Porto de Aveiro - VÍDEOFOTO

De Aveiro a Cacia - Imagens aéreas

“KARINA G” no Porto de Aveiro | Filmagens com drone | 1

“HC OPAL” no Porto de Aveiro | Filmagens nocturnas com drone | 4


METEO
Tempo Aveiro
LINKS

Figueira
Arquivo




FOTOS

 Tempestade

Tempestade
SLIDESHOW


REGISTO DA INAUGURAÇÃO

A mostra é constituída por quatro núcleos: os Descobrimentos em geral; a evolução da vila/cidade de Aveiro; a construção naval em Aveiro; e a arqueologia náutica. Neste último, em concreto, os visitantes têm a oportunidade de apreciar “uma reprodução da embarcação Ria de Aveiro A [nome dado aos destroços de um navio que se verificou datar de meados do século XV descobertos na laguna aveirense] ”.



RÁDIO VOZ DA RIA | COMUNIDADE PORTUÁRIA DE AVEIRO EM FOCO

O programa da CPA - Comunidade Portuária de Aveiro fala, desta vez, sobre a pesca da Arte Xávega. Entrevista com José Vieira, armador da praia de Mira que é Presidente da Associação Portuguesa de Arte Xávega.



O Mar Film Festival, que se realizou de 4 a 6 de Maio no Museu Marítimo de Ílhavo (MMI), apresentou-se como uma proposta sem paralelo no contexto nacional, suscitando interesses em diferentes quadrantes e uma receptividade significativa para uma edição de estreia.
Promovido pelo MMI e pelo Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX da Universidade de Coimbra, o Mar Film Festival procurou dar a conhecer expressões cinematográficas sobre a relação que os povos, comunidades e culturas estabelecem com os oceanos.



EXPOSIÇÃO PATENTE ATÉ 27 DE AGOSTO

No Museu de Aveiro | Museu Santa Joana, encontra-se patente uma grande exposição “De Aveiro para o mundo. Contributos para a Expansão Portuguesa [1400-1800]”, onde, pela primeira vez, se evoca a importância decisiva de Aveiro nos Descobrimentos Portugueses. A exposição tem como Comissário o Comandante Rodrigues Pereira, antigo director do Museu da Marinha e antigo Capitão do Porto de Aveiro



ILHAS DA RIA DE AVEIRO:

As grandes ilhas espalhadas pela Ria de Aveiro eram autênticas quintas que serviam para produção de sal e agro-pecuária. Hoje, são santuários de vida selvagem. Algumas das maiores estão à venda.
Ilha do Monte Farinha, Ilha da Testada, Ilha da Gaivota, Ilha do Poço, Ilha dos Ovos, Ilha do Rebocho; estas são as maiores e acessíveis apenas de barco. A Ilha do Puxadoiros é a única que preserva salinas activas a par da produção de ostras num espaço de turismo de natureza com alojamento.



DE 4 A 6 DE MAIO | CONHEÇA O PROGRAMA

O mar serve de inspiração para o Mar Film Festival, que se realiza nos dias 4, 5 e 6 de maio, no Museu Marítimo de Ílhavo. O papel simbólico e referencial que o mar tem suscitado na criação fílmica de diversos países é uma das motivações para a realização deste festival de cinema de temática marítima, que surge também devido à função histórica e cultural que a realidade oceânica continua a desempenhar no contexto português. O caráter identitário que o mar tem protagonizado em Ílhavo e na região levou a que o Museu Marítimo de Ílhavo se revelasse a localização perfeita para a realização deste festival de cinema.



RÁDIO VOZ DA RIA | COMUNIDADE PORTUÁRIA DE AVEIRO EM FOCO

O espaço da Comunidade Portuária de Aveiro dedica o seu habitual espaço quinzenal à Associação de Surf de Aveiro. O pretexto é o primeiro encontro de escolas de surf em São Jacinto que levou à única praia do município de Aveiro jovens da região, do Porto e de Viana do Castelo.
O evento de formação serviu também para testar o centro de Alto Rendimento de Surf de São Jacinto.
 



RÁDIO VOZ DA RIA | COMUNIDADE PORTUÁRIA DE AVEIRO EM FOCO

No espaço da Comunidade Portuária de Aveiro, transmitido quinzenalmente na Rádio Voz da Ria, o destaque vai, desta vez, para o Museu Marítimo de Ílhavo. O espaço museológico conta já com 80 anos e a data vai ser assinalada ao longo de 2017 com uma série de actividades.

A próxima será em Maio, com um Festival de Cinema de Temática Marítima, o Mar Film Festival.



APÓS TRABALHOS DE MANUTENÇÃO

O Navio-Museu Santo André já regressou ao Jardim Oudinot, reabrindo para visitas este sábado, nos horários habituais (sábado e domingo, das 14:00 às 18:00; terça a sexta-feira, das 10:00 às 18:00).
O Navio esteve cerca de um mês e meio em trabalhos de manutenção e de recuperação estrutural interior e exterior.
Para breve estão previstos novos conteúdos programáticos e uma renovação do percurso expositivo.
Domingo, dia 9 de abril, e ao segundo domingo de cada mês, tanto o Navio-Museu Santo André como o Museu Marítimo de Ílhavo têm entrada gratuita.



GAFANHA DA NAZARÉ

O aproveitamento do Cais Bacalhoeiro para integrar o 'discurso expositivo' do Museu Marítimo de Ílhavo é uma ideia bem acolhida na Freguesia da Gafanha da Nazaré. Carlos António Rocha já assumiu que dará todo o apoio à ideia revelada aquando aniversário do Ciemar.



A Estação Salva-vidas e o Comando-local da Polícia Marítima de Aveiro colaboraram com o Centro de Reabilitação Animais Marinhos (CRAM), na devolução de duas aves marinhas à natureza (tordas-mergulheiras), ao largo de São Jacinto, em Aveiro, após terminado um período de reabilitação nas instalações daquele centro.



6.º ENCONTRO DECORREU NO PORTO DE AVEIRO

No dia 29 de Março o Porto de Aveiro acolheu a realização do 6.º Encontro das Comunidades Portuárias. Em análise várias temáticas, numa reunião que concitou o pleno de participantes, com as presenças de Viana do Castelo, Leixões, Aveiro, Figueira da Foz, Lisboa, Setúbal e Sines.
Este tipo de encontros visa a partilha de pontos de vista sobre os assuntos relativos aos portos do continente.



No ano em que comemora o seu 80.º aniversário, o Museu Marítimo de Ílhavo teve uma excelente notícia. A Gala Excellens Mare, organizada anualmente pela consultora PwC com a finalidade de distinguir instituições e pessoas cuja atividade se salienta em termos de criatividade e inovação, atribuiu ao Museu Marítimo de Ílhavo o prémio “Identitas”.



DESCOBRINDO O NAVIO-MUSEU SANTO ANDRÉ

Aqui se instala o mecanismo de rotação do leme, do qual depende o governo do navio. Junto à casa do leme estão os camarotes dos homens da máquina: o 1.º maquinista ou chefe de máquinas, os 2.º e 3.º maquinistas, o eletricista e quatro ajudantes de maquinista.
 



DESCOBRINDO O NAVIO-MUSEU SANTO ANDRÉ

É o local onde se concentram os equipamentos que permitem controlar a navegação em viagem e garantir a segurança do navio durante as operações de pesca. Com o radar detectam-se navios e icebergues; com a sonda localizam-se os cardumes. Na mesa de navegação traçam-se rumos e calculam-se distâncias.



ESTA QUARTA-FEIRA

Esta quarta-feira, 5 de abril, vai realizar-se a primeira acção da iniciativa ambiental “Dar Vida à Praia”, que consistirá na plantação de estorno nas dunas da Praia de São Jacinto pelos alunos, promovendo desta forma o aumento de conhecimentos sobre a flora dunar, os fatores de degradação e a dinâmica das dunas.
“Dar Vida à Praia” é uma organização do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas com o apoio Câmara Municipal de Aveiro e insere-se na campanha da Bandeira Azul.



JOÃO FUGAS | COMUNIDADE PORTUÁRIA DE AVEIRO

O Presidente da Comunidade Portuária de Aveiro fala em momento positivo para o Porto de Aveiro cuja imagem de marca é a qualidade das acessibilidades, mas diz que existe a ambição de criar condições à movimentação de produtos na indústria química.



INVESTIMENTO DE 8 MILHÕES E MEIO DE EUROS

No seguimento do trabalho desenvolvido pela Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro, tendo a empresa Consulmar como Projetista, o Conselho Intermunicipal deliberou aprovar o projeto e proceder ao lançamento do concurso público da Empreitada de “Infraestruturas Hidráulicas do Sistema de Defesa contra cheias e Marés no Rio Velho e no Rio Novo do Príncipe”, sendo a peça mais relevante desta obra conhecida por Ponte-Açude do Rio Novo do Príncipe.



O Ministério das Pescas de Angola está a estudar a possibilidade de estabelecer uma parceria científica com a Universidade de Aveiro, prevendo nomeadamente projectos de investigação conjunta na área da "economia azul". A informação foi prestada em Luanda pela Ministra das Pescas de Angola, Victória de Barros Neto, no início de um seminário de três dias sobre a economia do mar, numa parceria com a universidade portuguesa, informa a agência Lusa.

Angola tem uma linha de costa de 1.650 quilómetros e uma Zona Económica Exclusiva de 330.000 quilómetros quadrados, mas a economia do mar representa apenas cerca de 3% do Produto Interno Bruto do país, daí a importância atribuída pela governante angolana à parceria a estabelecer com a Universidade de Aveiro



ESTA QUARTA-FEIRA, NO PORTO DE AVEIRO

O Porto de Aveiro acolhe, esta quarta-feira, 29 de Março, o 6.º Encontro das Comunidades Portuárias.
O início dos trabalhos está previsto para as 14:30, contando com a coordenação de João Fugas, Presidente da Comunidade Portuária de Aveiro.
Para além da anfitriã, estarão presentes representantes das Comunidades Portuárias da Figueira da Foz, Leixões, Lisboa, Setúbal, Sines e Viana do Castelo.



feed
mapa
Publicidade